1.9.07

Faz sentido

Nessa semana em que vi um texto meu ser editado pesadamente e outro, publicado depois de muito pra-lá-e-pra-cá, não poderia deixar de publicar esse artigo da Salon que me ajudou a alcançar alguma paz de espírito.

Trechinho caso suma na poeira:


"In an odd way, the exchange between writer and editor encapsulates the process of growing up. The act of writing is godlike, omnipotent, infantile. Your piece is a statement delivered from on high, a pronouncement ex cathedra, as egotistical and unchecked as the wail of a baby. Then it goes out into the world, to an editor, and the reality principle rears its ugly head. You are forced as a writer to come to terms with the gap between your idea and your execution -- and still more deflating, between your idea and what your idea should have been."

1 comment:

Douglas said...

Douglas, no 1º parágrafo o verbo publicar aparece duas vezes. Não dá pra mudar o segundo para "postar"?

Além disso, a última oração dele poderia virar uma frase nova e dar um fôlego ao pobre leitor, não acha?

Não gostei do título. Não entrega sobre o que é o post.